Mauro Hermínio

IMG_7650

Iniciou o seu percurso na In Impetus – Escola de Actores, depois esteve na ESTAL onde estudou Artes Performativas, tendo por fim ingressado na ESTC em Teatro- Ramo Actores. Em teatro destaca-se O Sétimo Céu de Caryl Churchill, encenado por Pedro Barão e Ávila Costa (2010), Estrelas no Céu da Manhã de Aleksandr Galine encenado por Lara Mesquita (2011), Cyrano de Bergerac de Edmond Rostand encenado por Bruno Bravo (2014) e ainda um monólogo Noman (2014), escrito e encenado por ele, com os Artistas Unidos em Doce Pássaro da Juventude encenado por Jorge Silva Melo, e depois em Otelo onde era a personagem que dá o nome ao espetáculo, com a companhia bYfurcação encenação de Paulo Cintrão, com a companhia GRIOT apresentou Os Negros encenado por Rogério de Carvalho. Em cinema a curta metragem premiada Bué Sabi de Patricia Vidal Delgado (2012), outra curta metragem premiada com Rui Neto, O Autor (2016), e o filme Ruth de António Pinhão Botelho. Em televisão teve um papel regular na novela Única Mulher, e teve mais algumas participações em novelas.

Com a 33 Ânimos participou no espetáculo:

Fake news : Naked fews